Sexta-feira, 23 de Maio de 2008
A crítica de cinema do ano

"A história parece retalhada, sem grande fluidez e é muito contada num tom de “vamos ali, tá bem, vamos! agora vamos ali! ok, bora!”; não sei se me faço entender, mas é a sensação com que fiquei."

Pedro Couto e Santos

E numa frase vi o filme. Está a falar do novo Indiana Jones. Grande poder de síntese que me fez poupar uns euros.



por Pedro Chichorro às 05:55
link do post | comente | adicionar aos favoritos

1 comentário:
De pedrocs a 23 de Maio de 2008 às 22:57
Apesar de agradecer o encómio, aconselho a que vás ver o filme que até é porreiro.

Pena é que com só mais um bocadinho de esforço, podia ter sido um filme fenomenal.


Comentar post






.posts recentes

. Ainda alguém lê isto?

. Dicas de poupança - No de...

. Mensagem do futuro

. Bolores engenheiros

. Conversa no Taxi

. Juliette

. Escalada

. Despertador novo, vida no...

. Karma Police israelita

. Janela para o mundo

. Moda Lisboa - Sugestão de...

. Poema de um coronel sensí...

. La Planète sauvage

. A ceguinha

. Regra de ouro do consumis...

. Welcome

. Fátima Lopes

. Um desafio, um ovo e uma ...

. Tem ovo

. Thin Lizzy vs. The Pixies

. Nino Guitar

. Festa inexplicável

. Pequenos gnomos

. Sem querer aventurei-me n...

. Comércio tradicional

. Orgulhos lusitanos

. A quem interessar: encont...

. Números de telefone fácei...

. Gosta de alho? Eu adoro a...

. Vítor Gaspar





Add to Google Reader or Homepage



AddThis Feed Button
AddThis Social Bookmark Button