Domingo, 6 de Abril de 2008
Milionário

Saio num Sábado à noite - depois de um real banquete - em direcção ao caroço urbano e coçando-os  com alegria e despudor... temos carros. Muitos carros buzinando, grunhindo, abanando e desafiando toda e qualquer autoridade inclusivé os meus dois coçados, na rua, queimando a gasolina que diziam estar caríssima.

 

Buzinavam com cãezinhos vestidos com roupinhas, seguros por duas mãos besuntadas, papudas, com unhas meio pintadas, meio estaladas, muito sujas.

 

Despejei, com um gesto trapalhão, uma cerveja para cima de uma máquina de Euromilhões: A vingança serve-se gelada.

 



por Pedro Chichorro às 07:31
link do post | comente | adicionar aos favoritos






.posts recentes

. Ainda alguém lê isto?

. Dicas de poupança - No de...

. Mensagem do futuro

. Bolores engenheiros

. Conversa no Taxi

. Juliette

. Escalada

. Despertador novo, vida no...

. Karma Police israelita

. Janela para o mundo

. Moda Lisboa - Sugestão de...

. Poema de um coronel sensí...

. La Planète sauvage

. A ceguinha

. Regra de ouro do consumis...

. Welcome

. Fátima Lopes

. Um desafio, um ovo e uma ...

. Tem ovo

. Thin Lizzy vs. The Pixies

. Nino Guitar

. Festa inexplicável

. Pequenos gnomos

. Sem querer aventurei-me n...

. Comércio tradicional

. Orgulhos lusitanos

. A quem interessar: encont...

. Números de telefone fácei...

. Gosta de alho? Eu adoro a...

. Vítor Gaspar





Add to Google Reader or Homepage



AddThis Feed Button
AddThis Social Bookmark Button