Domingo, 4 de Abril de 2010
A história verdadeira do Pingo Doce que acabei de inventar

Florineide já vive em Portugal há 7 anos, vinda do nordeste do Brasil, instalou-se em Armação de Pêra e lá casou e tem uma menina.
Logo nos primeiros meses reparou que todos os dias andavam dois huskys em frente ao super-mercado onde se aviava, um dos animais, o cinzento simpatizou mais com ela do que com os outros clientes porque Florineide lhe dava sempre algo para comer. Florineide adoptou o cachorrinho e chamou-o de Pingo Doce por causa do sítio onde se conheceram. Podia ter sido em frente a um Modelo Bonjour mas não era a mesma coisa.

Tudo correu bem e Pingo Doce sempre foi um cão respeitador, alegre e obediente. Até um dia.

Quando a cadeia de super-mercados decidiu mudar a imagem e criar um jingle que passava ad-nauseum em todas as rádios e TVs, Pingo Doce transformou-se. Tornou-se um cão irrequieto, assustado e, um dia, desapareceu de casa de seus donos.

Ainda hoje encontramos Florineide pelas ruas de Armação de Pêra a chamar pelo seu pequeno amigo. Pingo Doce venha cá... Pingo Doce venha cá... e todos pensam que a senhora flipou.



por Pedro Chichorro às 10:44
link do post | comente | adicionar aos favoritos

1 comentário:
De mercurio a 27 de Abril de 2010 às 12:31
Gostava de saber onde fica este mini preço?


Comentar post






.posts recentes

. Ainda alguém lê isto?

. Dicas de poupança - No de...

. Mensagem do futuro

. Bolores engenheiros

. Conversa no Taxi

. Juliette

. Escalada

. Despertador novo, vida no...

. Karma Police israelita

. Janela para o mundo

. Moda Lisboa - Sugestão de...

. Poema de um coronel sensí...

. La Planète sauvage

. A ceguinha

. Regra de ouro do consumis...

. Welcome

. Fátima Lopes

. Um desafio, um ovo e uma ...

. Tem ovo

. Thin Lizzy vs. The Pixies

. Nino Guitar

. Festa inexplicável

. Pequenos gnomos

. Sem querer aventurei-me n...

. Comércio tradicional

. Orgulhos lusitanos

. A quem interessar: encont...

. Números de telefone fácei...

. Gosta de alho? Eu adoro a...

. Vítor Gaspar





Add to Google Reader or Homepage



AddThis Feed Button
AddThis Social Bookmark Button