Segunda-feira, 4 de Maio de 2009
Sopa em cadeia

 Todas as semanas faço uma panela de sopa grande o suficiente para, mesmo dedicando um dia a comer quase só a dita, sobrar uma parte mais ou menos volumosa que congelo.

Todas as semanas faço uma sopa e uso o resto da sopa congelada como base para a nova. Se estava boa quando a congelei há uma semana, está boa para ser reutilizada.

Todas as semanas tenho repetido o processo.

Quais as possibilidades de eu estar a comer sopa velha? Estragada não está nem me tem feito mal.

Quantas partículas da sopa original ainda existirão na última? A percentagem tende para zero mas chega lá?

Algum matemático já se dedicou a isto? Pode não dar um prémio Nobel mas, se existisse disso podia dar um prémio Nobel na forma tentada, como acontece nos homicídios. E esses dão cadeia.

Desmarcado, larga a viola e resolve lá isto da melhor maneira.

 



por Pedro Chichorro às 18:45
link do post | comente | adicionar aos favoritos

6 comentários:
De João a 4 de Maio de 2009 às 23:57
Essa é a base do molho 365, que enfeita as melhores francesinhas....

Mas olha...e porque não fazes uma panela mais pequena???


De Pedro Chichorro a 5 de Maio de 2009 às 06:48
panela mais pequena porquê? As sopas estâo cada vez mais saborosas..


De SRV a 5 de Maio de 2009 às 18:10
Existem partículas da primeira, no entanto, do pouco que ainda sei de matemática, tende para infinito. É como dividires uma semi-recta, se fores sempre dividindo, nunca chegas a zero!


De Pedro Chichorro a 5 de Maio de 2009 às 19:37
neste caso tende para zero mas nao chega la, acho eu.
O resto desta ultima ja ta a congelar


De Paulo Quental a 7 de Maio de 2009 às 21:39
Pois bem, grande ideia, o sabor vai apurando cada vez mais, daqui a uns anos tens uma sopa extraordinária.
Em relação à quantidade, relaciona o volume de sopa "velha" que utilizas de base para a nova, considera a mistura uma mistura homogénea, ficas com a proporção e depois é seguir daí em diante. Há quantas semanas fazes isso?

Um abraço


(Apesar de só agora comentar, já visito o teu blog há bastante tempo, e quero dar-te os parabéns pela qualidade do mesmo.)


De Pedro Chichorro a 7 de Maio de 2009 às 23:21
Paulo, parece que adivinhaste...
Devias estar a comentar enquanto comi a base da próxima. Foi o fim de uma nobre linhagem mas em breve começará outra se o tempo quente não me desencorajar.
Obrigado e volta sempre


Comentar post






.posts recentes

. Ainda alguém lê isto?

. Dicas de poupança - No de...

. Mensagem do futuro

. Bolores engenheiros

. Conversa no Taxi

. Juliette

. Escalada

. Despertador novo, vida no...

. Karma Police israelita

. Janela para o mundo

. Moda Lisboa - Sugestão de...

. Poema de um coronel sensí...

. La Planète sauvage

. A ceguinha

. Regra de ouro do consumis...

. Welcome

. Fátima Lopes

. Um desafio, um ovo e uma ...

. Tem ovo

. Thin Lizzy vs. The Pixies

. Nino Guitar

. Festa inexplicável

. Pequenos gnomos

. Sem querer aventurei-me n...

. Comércio tradicional

. Orgulhos lusitanos

. A quem interessar: encont...

. Números de telefone fácei...

. Gosta de alho? Eu adoro a...

. Vítor Gaspar





Add to Google Reader or Homepage



AddThis Feed Button
AddThis Social Bookmark Button